Menu

Rádio

MirandenseBrasil






Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.


    22% das cidades brasileiras estão em risco para surto de Aedes aegypti

    09 JUN 2018
    09 de Junho de 2018
    Segundo o Ministério da Saúde, 22% dos municípios brasileiros (1153) possuem alto índice de presença do mosquito Aedes aegypti e, portanto, têm maior risco de surto de dengue, zika e chikungunya. Os dados utilizados no levantamento foram coletados entre janeiro e 15 de março de 2018.
    De acordo com o estudo divulgado nesta sexta-feira (8) pelo G1, outros 2.069 municípios estão em alerta, incluindo duas capitais: Cuiabá (MT) e Rio Branco (AC).

    Ainda entre as capitais, apenas São Paulo (SP), João Pessoa (PB) e Aracaju (SE) tiveram índice satisfatório. Boa Vista (RR), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), Florianópolis (SC) e Campo Grande (MS) não enviaram informações.

    O levantamento é feito periodicamente pelo Ministério da Saúde para monitorar o mosquito e planejar ações de intervenção. Confira a lista com a situação de cada município brasileiro divulgada pela pasta.

    22% das cidades brasileiras estão em risco para surto de Aedes aegypti

    Voltar

    © 1997-2014  RADIOMIRANDENSEBRASIL.COM

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.

    Clique aqui para editar.